Factoring não precisa ser registrada no Conselho Regional de Administração

A Primeira Seção do C. SJT, no julgamento dos EREsp 1.236.002⁄ES, fixou entendimento de as factorings não precisam ser registradas nos conselhos regionais de administração quando suas atividades são de natureza eminentemente mercantil, ou seja, não envolvam gestões estratégicas, técnicas e programas de execução voltados a um objetivo e ao desenvolvimento de empresa.

#factoring #fomento #fomentocomercial #direito #direitocomercial #fidc #esc #credito #securitizadora #mercado #negócios #antecipação #recebiveis #antecipacaoderecebiveis #credito #direitoscreditorios

 

Acesse nossas redes sociais clicando nos ícones abaixo!

              

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *